Blog Ibramed

Novos fios? Otimize seus tratamentos capilares com a carboxiterapia

Os padrões de beleza associados ao cabelo Desde a antiguidade a beleza tem sido associada às condições de aparência do cabelo. A estética capilar, incluindo formas de penteados, cor, característica do fio (liso, ondulado, enrolado, crespo e outros) foram, e são descritos, como símbolos de beleza e expressam suas inúmeras influencias (culturas, religiões, estilo de… Continuar lendo Novos fios? Otimize seus tratamentos capilares com a carboxiterapia

Os padrões de beleza associados ao cabelo

Desde a antiguidade a beleza tem sido associada às condições de aparência do cabelo. A estética capilar, incluindo formas de penteados, cor, característica do fio (liso, ondulado, enrolado, crespo e outros) foram, e são descritos, como símbolos de beleza e expressam suas inúmeras influencias (culturas, religiões, estilo de vida, desejos e sentimentos).

Atualmente, a mídia reforça a imagem ideal, enfatizando aspectos ligados à aparência física. Porém, muito além de fatores puramente estéticos, compreender os mecanismos fisiopatológicos ligados à perda de cabelos, é entender as alterações que estão relacionadas com a saúde do indivíduo.

O que pode estar acontecendo para o cabelo cair?

Vários fatores podem afetar a saúde capilar, ocasionando queda do fio. Alguns podem ser pontuais, como gestação, quadros infecciosos ou de estresse e pós-cirúrgico. Contudo, tanto a rarefação ou queda dos cabelos também podem ser provocadas pela ausência de vitaminas, alterações hormonais ou o uso sem orientação de procedimentos químicos.

Para evitar que os cabelos caiam, é necessário mantê-los nutridos e saudáveis, mas caso a queda dos fios persista e não seja resolvida, deve-se procurar um profissional que oferecerá procedimentos clínicos para solucionar o problema.

Tratamento com carboxiterapia

A carboxiterapia capilar é um procedimento não-cirúrgico, de rápida aplicação e resultados incríveis. Além de atenuar a queda do fio, também controla a caspa e a seborreia. Essa terapia, consiste na aplicação injetável do gás CO2, aumentando o fluxo sanguíneo e o aporte de oxigênio e nutrientes ao couro cabeludo, consequentemente, age fortificando, estimulando e acelerando o processo de crescimento capilar, além de formar uma nova vascularização na região.

O tratamento com a carboxiterapia pode ser indicado para homens e mulheres, com idades variadas, que possuem calvície ou alopecia (avaliação profissional). Os resultados podem ser observados nas primeiras sessões. Deve-se notar uma melhora da hidratação e um aumento na resistência do fio, também haverá o aparecimento das lanugens e em seguida o crescimento do cabelo de forma significativa.

É importante ressaltar, que o CO2 (dióxido de carbono) utilizado no tratamento, tem alta porcentagem de pureza (99,9% puro) e consiste em um gás atóxico, incolor e inodoro. Devido ao seu grande poder de difusão, é rapidamente absorvido e eliminado, ficando apenas o efeito vasodilatador.

A carboxiterapia capilar é considerada um tratamento seguro, sem complicações importantes. A técnica utilizada para a aplicação, será a intradérmica, introduzindo apenas o bisel da agulha no couro cabeludo, mantendo uma angulação de 15° em relação a pele. O fluxo e o volume de gás no organismo, devem ser programados de acordo com a conduta clinica do profissional, mas deve-se considerar também a sensibilidade do paciente.

publicado
Categorizado como Dicas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.