Lyra

Lyra

Luz Intensa Pulsada com Crioproteção

O LYRA é um equipamento microcontrolado de Luz Intensa Pulsada (LIP) desenvolvido para a utilização em medicina estética e áreas da estética, apresentando três filtros de corte seletivos com comprimentos de onda de 480 nm, 530 nm e 640 nm, que permitem ao profissional escolher o espectro de radiação luminosa mais adequado para cada caso e cada tratamento.

Crioproteção para maior segurança na aplicação

O LYRA possui um sistema eficaz de resfriamento a água e peltier que resfria a ponteira da peça de mão, chamado de crioproteção, tornando o tratamento mais seguro e confortável, mesmo utilizando altas doses de energia. O reservatório de água robusto e um sistema de peltier promove um resfriamento seguro mantido durante a aplicação.

Emissão real da energia programada no display

O Lyra foi desenvolvimento para atender os objetivos terapêuticos de forma fidedigna e permite a visualização real da energia emitida pelo aplicador no display do equipamento. Dessa forma, a Ibramed garante a segurança e eficácia nos tratamentos.

Contador de disparos na peça de mão

O Lyra apresenta um contador fiel de disparos totais no próprio aplicador, o que facilita o acompanhamento em relação ao número de disparos já realizados com o aplicador.

Protocolos pré-programados seguros e eficazes

O Lyra apresenta protocolo embasados cientificamente para resultados seguros e eficazes com ajuste do fototipo e espessura do pelo, o que torna o protocolo sugerido pela Ibramed, também personalizado para o paciente.

Mecanismo de ação e efeitos fisiológicos da luz intensa pulsada

A luz intensa pulsada trata-se de um recurso que se baseia no uso da luz para fins terapêuticos e é classificada como de alta potência, em que, ao interagir com o tecido, gera um fenômeno chamado de fototermólise seletiva (foto: luz, termo: calor; lise: quebra; portanto, quebra de alguma estrutura alvo pelo calor gerado pela luz; seletiva porque atinge uma estrutura alvo, o cromóforo, e os tecidos adjacentes permanecem íntegros), semelhante ao que acontece com o laser de alta potência, porém são tecnologias diferentes que se assemelham por basearem-se na luz e gerarem calor.

Para que ocorra a fototermólise seletiva no tecido, é necessário que haja cromóforos ou fotorreceptores, que absorvem a energia luminosa, com comprimentos de onda (cores) específicos, a qual é convertida em calor e destrói, necrosa o alvo específico. Isso gera um processo inflamatório subclínico no tecido e ocorre a reabsorção dos restos celulares destruídos durante o processo de fototermólise. Os principais cromóforos nos nossos tecidos, quando se trata de LIP, são a melanina e a hemoglobina.

A luz intensa pulsada emite diversos comprimentos de onda (cores), compreendidos entre 400 nm e 1200 nm, ou seja, todas as cores do espectro visível (violeta, azul, verde, amarelo, âmbar, vermelho) e infravermelho próximo, por isso vemos uma luz branca durante sua emissão. Além disso seus feixes de luz, diferente do laser, são incoerentes e não-colimados, ou seja, espalham-se no meio, por isso que vemos um flash. Diferentemente do laser que tem apenas uma cor (monocromático) e é colimado, coerente e unidirecional.

Por possuir diversos comprimentos de onda, a LIP, atinge diferentes cromóforos ao mesmo tempo, característica que faz com que seja indicada para diversos tratamentos como acne, telangectasias, hipercromias, fotorrejuvenescimento, fotoepilação. O número de sessões depende do objetivo, fototipo e resposta individual.

Informações sobre o equipamento

Acessórios

  • 1 cabo PP Fêmea IEC – 3 × 0,7 5 x 1500mm (Cód. 03017007);
  • 1 aplicador de 7,5cm² (Cód. 02037920);
  • 1 filtro para 640nm (Cód. 03026102);
  • 1 filtro para 530nm (Cód. 03026101);
  • 1 filtro para 480nm (Cód. 03026100);
  • 1 óculos de proteção para o operador (Cód. 03038188);
  • 1 óculos de proteção para o paciente (Cód. 03026104);
  • 1 pedal de acionamento (Cód. 02039229);
  • 1 manual digital de operações (Cód. 03040015);
  • 6 plugs de 8mm para push-in (Cód. 03015118);
  • 1 fusível 20AG de 10A (Cód. 02039617);
  • 1 funil e dreno para abastecimento do reservatório (Cód. 02039717);
  • 1 maleta plástica rosa cristal pequena (Cód. 03026112);
  • 1 bisnaga de 1kg com gel incolor – registro ANVISA nº 80122200001 (Cód. 03044016);
  • 1 espátula para gel (Cód. 03026096);
  • 1 cubeta 200ml (Cód. 03026095).
Características Técnicas

O Lyra é um equipamento microcontrolado por luz intensa pulsada para utilização em tratamentos estéticos. Ele possibilita comutação de 3 filtros de corte seletivos com comprimentos de onda de 480nm, 530nm e 640nm, os quais permitem a escolha do devido espectro de radiação luminosa para cada tratamento.

O Lyra também possui: uma ponteira com spot de 7,5cm², assegurando maior versatilidade aos tratamentos; um sistema de crioproteção (água e peltier), que torna o tratamento mais seguro e confortável; lâmpada com tempo de vida útil de 1 milhão de disparos, que permite melhor desempenho linear e funcional; design moderno com controle através de tela touchscreen; tutorial informativo e protocolos.

O equipamento deve ser usado somente sob prescrição e supervisão de um profissional licenciado.

Filtros de Corte

Com a ajuda de filtros, é possível selecionar comprimentos de onda de acordo com a profundidade da estrutura que se pretende atingir. O espectro de emissão de LIP varia de 450 a 1200nm e, por exemplo: quando se utiliza o filtro de 640nm, só ocorre emissão no espectro de 640 a 1200nm, bloqueando a emissão dos comprimentos mais curtos.

O Lyra oferece uma peça de mão com a possibilidade de comutação de 3 filtros de corte seletivos, com comprimentos de onda de 480nm, 530nm e 640nm, os quais permitem a escolha do espectro de radiação luminosa mais adequado para cada tratamento. As indicações são:

Remoção de pelos: o filtro varia de 640nm ou 690nm a 1200nm;

Telangiectasias: o filtro varia de 530nm a 1200nm;

Rejuvenescimento: o filtro varia de 480nm a 1200nm;

Manchas de pele: o filtro varia de 480nm a 1200nm.

Técnicas de Aplicação

O princípio básico é a absorção de fótons por cromóforos endógenos ou exógenos no interior da pele e a transferência de energia para esses cromóforos. Essa transferência gera calor que, subsequentemente, destrói a estrutura alvo.

A absorção da luz não está vinculada à coerência da luz, a chamada reação fotobiológica ocorre independentemente da fonte de aquecimento. Além disso, os cromóforos da pele humana (hemoglobina, melanina e água) mostram espectros largos de absorção, assim, a monocromaticidade não é um requisito para a fototermólise. Como os dispositivos de LIP emitem um espectro de comprimentos de onda, os três cromóforos podem ser ativados com uma única exposição à luz. Essa versatilidade implica numa redução da seletividade. Já o tipo e a condição da pele do paciente presente determinam a escolha dos filtros de corte apropriados e, por conseguinte, o espectro de comprimentos de onda a ser emitido.

Precauções

  • Evitar exposição solar das áreas tratadas por, pelo menos, 5 dias após a aplicação;
  • São fortemente recomendadas a utilização diária de um protetor solar FP60 e uma avaliação médica prévia à realização de tratamentos de LIP nos casos em que o paciente apresente qualquer patologia na pele;
  • Não submeter à terapia com LIP o paciente que estiver sob tratamento com antibióticos, estiver ingerindo suplementos vitamínicos A e/ou K, ou outra substância estimuladora de melanina;
  • Nos tratamentos de remoção de pelos, o uso de outras práticas de depilação deve ser evitado nas duas semanas anteriores e nas duas semanas posteriores à aplicação da LIP. Somente raspar os pelos;
  • Peles de fototipo alto (escuras ou muito bronzeadas) exigem uma maior atenção quanto à prescrição da dosagem para a aplicação da LIP;
  • Logo após a aplicação, poderá ocorrer um leve eritema e/ou edema transitório, que desaparece em até 3 horas após a aplicação. O uso de loções calmantes e/ou compressas frias sobre as áreas tratadas pode minimizar tal efeito;
  • Raramente podem aparecer eritemas mais intensos que desaparecem entre 2 e 7 dias após a aplicação, sem a necessidade de tratamentos adicionais. No entanto, se desejado, o uso de produtos, como: calmantes, gel, cremes ou pomadas específicas podem acelerar o processo de recuperação;
  • Todas as áreas tratadas devem ser limpas com água e sabão neutro.

Reações Adversas

Não existem registros significantes de reações adversas mais sérias (transitórias ou permanentes) decorrentes do uso da terapia por LIP, desde que as dosagens de aplicação sejam adequadas ao paciente. Entretanto, podem ocorrer:

  • Hiperpigmentação transitória (resolvem-se sem tratamentos adjuvantes em, no máximo, 6 meses após a aplicação);
  • Discromias;
  • Prurido;
  • Queimaduras;
  • Eritema ou edema local (de 30 minutos a 72 horas);
  • Púrpura.

Prevenções

  • Hiperpigmentação transitória (resolvem-se sem tratamentos adjuvantes em, no máximo, 6 meses após a aplicação);
  • Discromias;
  • Prurido;
  • Queimaduras;
  • Eritema ou edema local (de 30 minutos a 72 horas);
  • Púrpura.
Indicações

  • Remoção de pelos;
  • Redução permanente de pelos;
  • Rosácea;
  • Tratamento da pele acneica;
  • Telangiectasias;
  • Lesões pigmentares benignas;
  • Fotoenvelhecimento cutâneo (rejuvenescimento).
Contraindicações

  • Gestantes ou intenção de engravidar;
  • Pacientes que estiverem se submetendo a processos de bronzeamento naturais ou artificiais até 4 semanas anteriores ao tratamento;
  • Em áreas com manchas suspeitas ou que contenham tecido potencialmente canceroso;
  • Local de tratamento com tatuagem ou maquiagem permanente;
  • Apontar diretamente para os olhos;
  • Aplicação direcionada ou sobre os olhos;
  • Dispositivo eletrônico implantado (ex.: marca-passo cardíaco, dispositivo de estimulação cerebral profunda etc.);
  • Paciente com epilepsia fotossensível;
  • Uso concomitante de medicamentos fotossensibilizantes;
  • Pacientes que apresentam particular sensibilidade à irradiação solar ou enfermidades relacionadas com fotossensibilidade (exemplo: porfiria, erupção à luz polimórfica, urticária solar, lúpus ou outras doenças autoimunes);
  • Pacientes com déficit de cicatrização devido ao Diabetes mellitus ou outras patologias.
Perguntas mais frequentes

Como avaliar o fototipo de pele para aplicação do Lyra?

Para avaliar o tipo de pele do paciente, use a classificação de Fitzpatrick. Leve em consideração se o paciente tem uma cicatriz escurecida na zona de uma ferida ou se tem um histórico de queloide.

Qual intervalo entre sessões e quantidade de sessões para os tratamentos?

Nossa sugestão de intervalo e quantidade de sessões é: área, intervalo e número.

Quais fatores podem influenciar no tratamento com LIP?

Bronzeamento, temperatura da pele, perfusão sanguínea, densidade de glândulas sebáceas, presença de folículo piloso e firmeza da pele são os fatores que podem influenciar no tratamento com LIP.

Como realizo o abastecimento do reservatório de água?

Remova os dois plugues dos conectores de abastecimento. Depois, conecte as mangueiras à entrada de água (Water Supply) e à saída de água (Water Vent).

Como realizar o pré-teste de aplicação do Lyra?

Selecione uma área discreta com tom de pele (fototipo) similar à área a ser tratada, programe o equipamento e aplique 1 ou 2 disparos no local. Observe a reação imediatamente após 10 a 15 minutos.


Onde encontrar esse produto?